terça-feira, 13 de maio de 2014

Mais uma vez

Pra quem nunca teve nada, só um pouco já basta ! Ser feliz, ainda continua muito difícil ! Acordar e esperar essa pessoa te olhar, ou ao menos te responder. É ! mas nem sempre é assim . Tentar ser uma bela pessoa, não é nada. Nada mesmo, NADA MESMO! Hoje todo mundo vive sozinho, vive no seu mundo virtual, de sonhos e muito mais. Tá, eu ainda vou continuar vivendo e acreditando que tudo pode mudar...

terça-feira, 24 de julho de 2012

Como não ?

E como não gostar dessa pessoa que me faz tão bem ? Ela é tão linda que quase não ouço as horas , me perco nos dias ! Amar é como ser livre no universo ... ser você mesmo. Adoro ter de quem gostar, e ter de quem esperar. Amor querer me casar, com a pessoa que eu sempre sonhei. Tudo tão perto que nem sei o que mais disser ! Amo mesmo e daí ? Vamos nos ter até os fins dos dias, até que tudo se torne fim Fim de ar e fim de sangue, porque amor não, amor será até o ultimo suspiro ! Ela é tão linda que me faz continuar ... Continuar !

terça-feira, 16 de março de 2010

As Armas Secretas

As armas também sãs as palavras que pensamos todo o tempo.

Mas feridas também poder ser feitas por tudo que se passa na vida.

Digo das distâncias imagináveis e inimagináveis.

Sopro de puro delírio como o de saber do novo e deixar o velho.

O tempo se mostra indiferente ao o que a gente pensa.

Tanto faz sofrer ou sorrir. Mas isso agora pouco importa.

Eu sei tudo o que quero, só não sei como.

Que mistério é esse de ser feliz?

Hoje sei que é de pouco pensar e muito fazer.

Fazer acontecer.

As dores deixamos de lado, vamos brindar com a vida, o sabor

De provar simples emoções. Sendo essas as de tocar o impossível.

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Casos

A solidão não passa de coisas da sua cabeça
O mundo está por aí
Pessoas estão por aí
Basta você colocar o rosto pra fora
Ver o mudo grande que há fora da sua porta ou janela
Nada melhor que uma conversa de botequim ou um bom dia
Pena eu tenho de ti meu jovem que não vê as coisas boas da vida
Tudo passa por ti como uma sombra do meio dia
Olhe pra baixo e para os lados
Olhem além do seu pequeno nariz
Sei que vou chegar aos meus 30 anos, feliz da vida por conhecer
Conhecer o lado de fora
O mundo tão grande que nem conheci metade
Vamos por aí, quem sabe não nos esbarramos
A mesma água nunca passa sempre pelo mesmo lugar
Eu sim, você também
Coragem é parte do medo, e descoberta da curiosidade
Siga pela falta de algo, pra preenchê-las
Uma gota de álcool pode ajudar, mas melhor sem
Viva o pouco de vida que lhe resta pra andar e sorrir
Chorar deixe pra morte e para dias de adeus
Nunca se esqueça das horas que se foram
Se foram em vão, essas nunca mais voltarão
Amigo, seja um e não mais um

Falando de mim

Eu to é falando de vida
Você pensa que tudo é sempre igual?
Pura mentira, tudo muda
As coisas acontecem como que se você não soubesse
E vem acontecendo
Às vezes amigos se vão e às vezes é tu que vai
Não é nada fácil abandonar um lar ou uma semi-família
Mas se tudo tem que acontecer, deixe estar
As horas passam juntamente com seus sonhos
Uns viram realidade outras necessitam de um pouco mais de tempo
Amadurecer é preciso, quase que junto com as escolhas
Vamos fazer o nosso tempo, a nossa vida, junto ou longe
Os amigos (melhores) ficam em um canto, então fazemos outros novos
Quase sempre encontramos uns e outros
Medo? Tem sim senhor, mas o que há pra se fazer?
Esperar é claro
São tantos Samueis, Andres, Joãos,Karlas, Danielas, Fernandas, Priscilas e tantos outros
Mas quantos outros anônimos virão?
Tempo meu amigo
Eu to é falando é de tempo
E por que não amizades?

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

De olhos Fechados

O amor é sentir algo no peito como tecido aveludado, é respirar como se estivesse no meio de um campo de flores, é abraçar o corpo desejado e se esquecer do resto do mundo.
O amor é poder acordar triste, ganhar um bom dia e se perder com tanta ternura, nos fazendo bem outra vez. O amor é água quente que purifica a alma, e água fria que faz o corpo arrepiar.
O amor é bebida doce e cítrica, que pode começar doce e terminar ácido, ou assim inversamente... é ter gosto de chocolate meio amargo.
Às vezes é como quando se ganhar um embrulho pequeno, se abre o laço de fita vagarosamente para não estragar o que há dentro e também não se estragar a surpresa.
Amar é imaginar uma história sem fim, é reescrevê-la diariamente, é um dia ser herói e no outro vilão. É se lembrar de músicas a cada toque das mãos que só se sabe de onde vem pelo perfume que se torna parte da pessoa amada.
O amor é querer ouvir bom dia, boa noite todos os dias, quanto não é possível é não querer soltas as mãos na hora do adeus.
Amar é banho quente depois de chuva, é cama quente quando se tem sono, é véspera de noite de Natal, é sonho de criança em corpo de gente grande, é poder gostar não se sabendo o porquê.
Amor são pés descalços na grama, é gosto de manteiga no pão quente, é cheiro de chuva chegando, é garoa fina, é sentir falta de chão, são sensações que se misturam, e ainda melhor não se necessita estar de olhos aberto para senti-lo.


Glauber Pereira
01/10/09

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Pensar sobre Coragem

Algo sobre o tempo me fez pensar sobre mim.
Fez-me ver coisas que antes eram só pensamentos aleatórios da minha mente confusa.
Passam-se os dias e minhas vontades de realidades me atormentam para a sóbria realidade.
Meus ídolos passam a ser pessoas que eu sempre soube quem eram ou que conheci vagando por aí.
Sinto vontade de ter coragem para tudo.
Sinto vontade de deixar as vontades virarem minhas, só meus sonhos reais.
O tempo, ainda é o mesmo, afinal, ele nunca existiu.
Foram nada mais que temores, meus, toda vida temores, q hoje eu quero mudá-los.
Disseram-me algo sobre poesia, pra mim só desejo.
Eu sigo com as mesmas canções, as mesmas melodias.
Esperar mais, isso sei que não posso, porem me arriscar tudo também é o problema.
Minhas mais ouvidas melodias dizem coragem, coragem, se o que você quer é aquilo que pensa e faz, então, faremos nas entrelinhas, com ou sem respectivas pausas.